Revista de Administração Revista de Administração
NOTICE Undefined index: cita (modulos/navegacion/item-nav.php[32])
DOI: 10.1016/j.rauspm.2017.12.007
Original Article
Dropout and retention of undergraduate students in management: a study at a Brazilian Federal University
Evasão e retenção de graduandos em administração: um estudo em uma universidade federal brasileira
Francisco José da Costa, , Marcelo de Souza Bispo, Rita de Cássia de Faria Pereira
Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, PB, Brazil
Received 15 April 2016, Accepted 06 March 2017
Abstract

This article analyzes the antecedents of the dropout rate and retention of students in management undergraduate programs. Empirical research was carried out in a management undergraduate program at a Brazilian Federal University, using the data of 1202 freshman students between the years 2004–2009. These students were followed up until the year 2013. In the analysis, we surveyed information regarding the student's time in the program, their graduation or dropout, as well as their socio-demographic information and program characteristics. The statistical technique used was the survival analysis, which allowed us to assess the factors that influence the time of program completion and the evolution of the dropout risk. In the main results, it was found that the number of semesters, student grades, gender, and the existence of failure or dropouts per course, were factors that explained both the time of completion of the course and the risk of dropping out. In addition, variables, such as age, marital status, race and high school background (public or private), showed no influence on these variables (graduation time and dropout rate).

Resumo

O objetivo, neste artigo, foi analisar os condicionantes da evasão e da retenção de alunos do ensino superior em administração. A pesquisa empírica foi realizada em um curso de Administração de uma universidade federal brasileira com dados de 1202 ingressantes entre os anos de 2004 a 2009 que foram acompanhados até o ano de 2013. Na análise, foram levantadas informações relativas ao tempo de permanência do aluno no curso, forma de saída (diplomação ou evasão), além de informações sócio demográficas e sobre as características do curso. Para análise, foi utilizada a técnica estatística de análise de sobrevivência, que permitiu avaliar, ordenadamente, os fatores que influenciam o tempo de conclusão do curso e a evolução do risco de evasão. Como principais resultados, foi verificado que o número de semestres do curso, o desempenho do aluno, seu gênero, além da existência de reprovação e trancamento são fatores que explicam tanto o tempo de permanência quanto o risco de evasão. Na pesquisa foi constatado que variáveis relativas à idade no ingresso, estado civil, raça e natureza da escola de educação básica (pública ou privada) não demonstraram influência no tempo de conclusão ou evasão.

Keywords
Higher education, Course management, Dropout, Retention, Graduation
Palavras-chave
Ensino superior, Gestão de curso, Evasão, Retenção, Diplomação
NOTICE Undefined index: cita (modulos/navegacion/item-nav.php[32])
DOI: 10.1016/j.rauspm.2017.12.007